371 anos de História

Braço Forte, Mão Amiga.

Dia do Exército Brasileiro – 19 de abril

Ordem do Dia

BRAÇO FORTE, MÃO AMIGA! É assim, fundamentado nessas duas simples expressões, que o Exército Brasileiro, ao longo dos seus 371 anos de existência, tem buscado pautar suas ações para defender a nossa Nação e garantir os poderes legalmente constituídos em nossa Carta Magna e o império da lei e da ordem.
BRAÇO FORTE, ao derrotar, no dia 19 de abril de 1648, o invasor estrangeiro nas férteis terras nordestinas, momento épico em que negros, brancos, índios e mestiços, irmanados e ombreados, sob o comando dos “Heróis da Pátria”, imortalizaram Guararapes como o berço da nossa nacionalidade.
MÃO AMIGA, quando ao final da Revolução Farroupilha, o Duque de Caxias, herói nacional e Patrono do Exército Brasileiro, garantiu a liberdade a todos os cativos farrapos, incorporando nas unidades do Exército Imperial todos os negros libertos, com especial destaque para os ex-integrantes da brava “Legião de Lanceiros Negros”. Caxias, homem à frente de seu tempo, era conciliador e cultuava os princípios de igualdade e fraternidade.
BRAÇO FORTE, ao reagir, intransigentemente, às tentativas de fragmentação do território e da unidade nacional, durante as revoltas internas e a guerra de independência, bem como às investidas de ideologias totalitárias. Graças ao Exército do passado, podemos, hoje, dispor de vasta extensão territorial e de imensos recursos naturais, esteios de um país rico e próspero.
MÃO AMIGA, ao emprestar aos aliados feridos nas duas grandes Guerras Mundiais a competência e a sensibilidade da mulher brasileira, representadas pelas enfermeiras do Exército que serviram nessas contendas. Hoje, nossas militares, discípulas de Maria Quitéria, heroína da independência, constituem parcela indispensável da dimensão humana da nossa Força, em absoluta igualdade de direitos e deveres no seio da instituição.
BRAÇO FORTE, além-fronteiras, ao vencer as Campanhas do Prata; ao combater em solo italiano durante a 2ª Guerra Mundial, para restabelecer a paz e a liberdade; e ao participar dos esforços para a manutenção da paz em diversos países, em especial para a estabilização do Haiti, por mais de uma década. A esses soldados brasileiros reputamos a confiança e o prestígio com que o Exército de Caxias é distinguido no cenário internacional.
MÃO AMIGA, ao coordenar e apoiar, entre outras de caráter subsidiário, a Operação Pipa, que distribui emergencialmente, há quase 20 anos, água potável a mais de 4 milhões de cidadãos brasileiros, moradores de quase 900 municípios afetados pela seca, contribuindo, assim, para que o Estado brasileiro possa cumprir a função social para a qual é estabelecido.
BRAÇO FORTE, ao manter homens e mulheres em permanente estado de prontidão, aptos e capacitados a defender a Pátria, até mesmo com o sacrifício da própria vida. A Força Terrestre, a despeito da carência de meios adequados, do descompasso salarial com outras carreiras de Estado e dos recursos orçamentários, invariavelmente abaixo das necessidades, mantém seu papel de defesa da sociedade contra as ameaças internas e externas.
MÃO AMIGA, ao planejar e executar a operação de grande complexidade conhecida como Força-Tarefa Logística Humanitária em Roraima. Com o apoio da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira, nossas Forças coirmãs, e de outros órgãos, agências e organizações não governamentais, a Operação Acolhida tem trazido estabilidade à região de fronteira e, acima de tudo, atendimento digno, humano e profissional aos imigrantes venezuelanos que buscam abrigo em nosso território.

A cada celebração em que comemoramos mais um ano de existência é imprescindível olhar para trás, em reflexão ao que já foi realizado, na busca das lições aprendidas e da melhoria contínua.
É nesse sentido que o seu EXÉRCITO, o BRAÇO FORTE e a MÃO AMIGA de ontem, de hoje e de sempre, tem procurado estar alinhado aos anseios da sociedade, aos valores da nossa nacionalidade e à grandiosidade do futuro da nossa Nação.


Àqueles que não percebem a relevância dessa trajetória, e que hoje tentam macular a imagem e a coesão do invencível Exército de Caxias, responderemos com mais trabalho, dedicação, transparência, gestão eficiente dos recursos públicos e com uma conduta exemplar, sempre amparada nos parâmetros legais.

Brasileiros! Estejam certos de que vocês, homens e mulheres que nos confiam os mais altos índices de credibilidade institucional, são a força que guia o nosso braço e a brandura que orienta a nossa mão.

BRASIL ACIMA DE TUDO!
General de Exército Edson Leal Pujol
Comandante do Exército

Fonte: Site Oficial do Exército Brasileiro – Ministério da Defesa

Clique aqui e saiba muito mais sobre o “Pacificador” e “Duque de Ferro”, o Patrono do Exército Brasileiro,
Luiz Alves de Lima e Silva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.